Símbolos

Sabe aquele símbolo azul com o desenho de um zé-palito sentado em uma cadeira de rodas?

É o SÍMBOLO INTERNACIONAL DE ACESSO, tendo, portanto, o mesmo significado aqui em Joinville, em Tóquio e em todos os cantos do planeta Terra.

É um símbolo muito conhecido pelo seu significado, mas muita gente ainda vê pintado em um estacionamento e entende como “Vaga para 1 minutinho”.

O símbolo foi adotado em 1969 pela Rehabilitation International (RI), ONG com status de órgão consultivo da ONU e sediada em Nova York.

O desenho não poderia abrir margem para outras interpretações. Deveria ter um significado facilmente reconhecível e deveria ser identificado e destacado mesmo a uma certa distância.

Então Susanne Koefoed, da Dinamarca, criou o tal símbolo:

Que era preto e branco e... não tinha cabeça

Que era preto e branco e… não tinha cabeça

Mas, por sugestão da própria Rehabilitation International, uma cabeça foi acrescentada ao desenho, restando no símbolo adotado pela ONU, que é válido em Joinville, em Tóquio e em todos os cantos do planeta Terra:

2012-12-07 22.02.26

Com cabeça

Ocorre que, ativistas têm se posicionado contrários ao atual símbolo, dito “ultrapassado”, que mostra um indivíduo inerte e ofuscado pela “baita” cadeira de rodas.

É, os tempos são outros. Tem até vilã de novela sentada em cadeira de rodas.

Aí entrou em cena Sara Hendren, do Acessible Icon, que criou o desenho de um indivíduo capaz, ativo, independente e engajado:

Britney curtiu isso.

O novo desenho já foi adotado na cidade de Nova York:

E até na Índia!

Tunak tunak

Já vou mandar fazer o adesivo para meu carro. Vamos ver qual será a reação por aqui. 😀

É claro que um simples símbolo não vai, magicamente, contribuir para a acessibilidade – que é a única coisa que impede a real liberdade -, mas, se os tempos mudaram e, aquele indivíduo robótico do atual símbolo não representa mais ninguém, porque não mudar?

Segundo o blog do Marcelo Rubens Paiva, começou, no Brasil, uma campanha para atualização do símbolo que representa o idoso (pessoa maior de 60 anos) que, de igual maneira, tem preferência de estacionamento próximo da porta.

Pretendido novo símbolo

Eu entendo que disputar rosas no show do Rei desgasta qualquer coluna, mas por acaso você conhece alguém, no auge de seus 60 anos (“o novo 40”), do jeito que o atual símbolo de idoso representa?

Bruce Springsteen, 64 anos, no último Rock in Rio – “Essa imagem não me representa.”

Novos tempos, novos símbolos.

Anúncios

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s